Prefeitura entrega 180 cestas orgânicas do Programa de Aquisição de Alimentos na Vila Nova

01/10/2015 01:49

Prefeitura entrega 180 cestas do Programa de Aquisição de Alimento na Vila NovaA Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Segurança Alimentar (Semsa), deu prosseguimento ao cronograma do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), na tarde desta quarta-feira (30), distribuindo 180 cestas com produtos orgânicos para famílias carentes de ao menos 16 bairros da região Itaqui-Bacanga. A distribuição aconteceu no pátio da Igreja São José Operário, no bairro Vila Nova.

João Lucena Costa, aposentado e representando a comunidade da Vila Nova, foi o primeiro a receber a cesta com produtos orgânicos do PAA, comprados diretamente junto aos produtores rurais do município. A distribuição de cestas na Vila Nova foi a primeira do bairro e quinta realizada na região do Itaqui-Bacanga desde o mês de maio deste ano. As anteriores foram realizadas na Vila Bacanga (2) e Anjo da Guarda (2).

O programa é coordenado pela Secretaria de Segurança Alimentar (Semsa), e conta com parceria da Secretaria Municipal da Criança e Assistência Social (Semcas), Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Abastecimento (Semapa) e Secretaria Municipal de Segurança com Cidadania (Semusc).

"O programa de Aquisição de Alimentos, PAA, é um apoio aos programas de complementação de renda, como Bolsa Família. Com ele estamos garantindo um direito constitucional do cidadão que é o direito à alimentação", esclareceu a secretária adjunta da Criança e Assistência Social, Nazareth Garcez.

 

CADASTRO

O cadastro das famílias que recebem as cestas de alimentação do PAA é realizado pela Semcas. No programa, a secretaria também responde pela mobilização das famílias nos territórios de atuação dos Centros de Referências e Assistência Social (Cras). No total, são 20 Cras cobrindo todo o território do município de São Luís.

Na região do Itaqui-Bacanga estão três destes centros, instalados nos bairros da Vila Nova, Anjo da Guarda e Vila Bacanga. A Semcas conta com cinco equipamentos para atendimento às famílias carentes da região, além de outras parcerias como com a Casa Brasil.

"Estamos cumprindo nosso papel como gestores responsáveis. Na verdade é um pequeno complemento que a Prefeitura propicia por meio do PAA às famílias para que elas não comprometam outras rendas na aquisição de produtos básicos da alimentação", disse a titular do Semsa, Fátima Ribeiro.

 

PRODUTOS

As cestas distribuídas são compostas por 27 itens, com peso médio de 40 quilogramas. Alguns dos itens variam conforme a sazonalidade da produção. Nas cestas distribuídas na Vila Nova houve a inclusão da juçara como item alimentar da temporada. Para Fátima Ribeiro, o programa tem alcance em várias frentes, contribuindo para elevar a produção da zona rural, ao mesmo tempo atendendo famílias carentes.

Todas as famílias contempladas pelo programa são atendidas pela Semcas e possuem cadastro CadÚnico. É a partir deste cadastro que é feita a programação da distribuição das cestas.

Segundo explicou a secretária Nazareth Garcez, as famílias cadastradas para receber as cestas pertencem ao serviço de convivência e fortalecimento de vínculo do Cras que abrange população da faixa etária de zero a 60 anos. O serviço é uma das três linhas de atuação dos centros, complementados pelo serviço de acompanhamento da família e de condicionalidade e do de atendimento domiciliar.

Acesse aqui a galeria de imagens desta reportagem


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!